A boa vida depois dos 60

Pode parecer engraçado, mas talvez você jamais tenha tido a

 

Não sei como você gosta de ser chamado. Velho, idoso, da terceira idade, de idade, da melhor idade etc. A variedade de nomes é muito grande e cai de moda muito rápido. Mas nada disso importa, o melhor é “capitalizar” tudo o que já viveu e colocar a sua experiência a seu serviço, seja você velho ou idoso. O importante é perceber que na vida tudo é construído, e isso fica muito mais claro depois dos 60 anos de idade, quando, em diversas situações, surge a sensação de “eu já vi esse filme”. Pois é, nesta fase da vida, como em outras, há maneiras de mudar, de imprimir novo ritmo ou mesmo dar uma guinada de 180 graus, caso você esteja incomodado. Cada etapa da vida é permeada por limitações específicas, seja em favor dos filhos, do trabalho ou até pela falta de dinheiro. Pode ser que agora você tenha limitações físicas ou uma doença que dificulte determinadas atividades e das quais você lamenta e se arrepende amargamente por não ter se cuidado antes. Bobagem, ainda que você não tenha sido prevenido, é possível optar por viver o melhor, desde que essa decisão seja acompanhada pela determinação de tomar conta da própria vida.

 

Pode parecer engraçado, mas talvez você jamais tenha tido a oportunidade de ser tão dono do próprio nariz. Lembre-se que, atualmente, a ciência e a tecnologia são fortes aliadas do envelhecimento com qualidade. Medicamentos, vacinas, cura e prevenção de doenças são alguns benefícios proporcionados pelo desenvolvimento científico, que prolongam a vida e aumentam o bem estar do ser humano. Mas isso não basta. A busca por uma velhice digna e feliz é uma decisão, é o diferencial que cada um imprime na direção da própria vida e faz com que ela valha a pena. Fora da universidade, mas em uma escola ou aula particular ou tendo os netos como professores, o aprendizado da informática pode modificar conceitos arraigados, especialmente se você passar a navegar na Internet, a maior rede mundial de computadores. Se tiver chegado até aqui sozinho, obviamente você já está no mundo da informática, mas se alguém acessou para você, não se preocupe, ainda há jeito. Veja na matéria os Idosos na Internet – Adeus à info-exclusão o potencial da rede para todos os tipos de informação, além dos companheiros sempre dispostos para um bate-papo e até para iniciar um namoro. Mas, se você está pensando em arrumar um namorado(a) não espere pela Internet, mostre-se disponível não apenas on-line, mas também, e principalmente, ao vivo.

Quando chega o momento de se aposentar, muitas vezes bate um frio na barriga. Fique tranqüilo, o problema não é só seu. O artigo Como sair da linha sem perder a linha, mostra esse momento delicado, mas surpreendente quando se assume o papel de condutor da própria vida. Independente de idade, ninguém está livre de desenvolver uma depressão, doença com mais chances de ser controlada se for diagnosticada no início. É o que mostra a matéria Depressão – o mal do século em todas as idades, que traz um tópico específico sobre o surgimento da doença na terceira idade. A vida é mesmo cheia de altos e baixos para todas as pessoas, e a única certeza que ela dá é a morte. E isso não é nenhuma aberração, é o ciclo natural da vida. Idade Ativa

Deixe uma resposta