Abacate: alto teor de proteínas

O que realmente caracteriza o abacate é o seu rico conteúdo em gordura, 8,8g% no abacate roxo, 15,8g% no abacate

 

 O que realmente caracteriza o abacate é o seu rico conteúdo em gordura, 8,8g% no abacate roxo, 15,8g% no abacate Guatemala, de 16 a 18,5g% no abacate comum. Aproximadamente 89% do calor energético do abacate provém desta gordura assim distribuída: 3,7g de gordura saturada, 8,3g de gordura mono-insaturada e 6,5g de gordura poliinsaturada e quantidades ínfimas de colesterol (14mg%). O abacate, em comparação com outra fruta, tem valor energético considerável devido ao seu alto teor de gordura. Aproximadamente 162 calorias por 100 gramas, ou seja, o dobro da manga, duas vezes e meia o valor calórico da maçã ou abcaxi, mais de três vezes e meia o da laranja.

O abacate também tem alto conteúdo em proteínas e em sais minerais em relação a outras frutas. EFEITOS EXÓTICOS DO ABACATE AFRODISÍACO Acredita o povo que a polpa do abacate tenha poderes afrodisíacos.

No caroço, concentra-se parte da força libidogênica do abacate. O macerado dos caroços preparado com vinho branco, como seu extrato fluido, são considerados como bons afrodisíacos. DOR Do abacate se extrai um azeite muito bom para combater localmente a dor reumática e a dor da gota. DIURÉTICO O chá da folha do abacateiro tem a fama de ser diurético e carminativo (que elimina gases intestinais). AÇÃO INTESTINAL O caroço tostado e moído bem fino combate a diarréia e a disenteria. VALORES NUTRICIONAIS Porção: 100 g Kcal: 162.0 HC: 6.4 PTN: 1.8 LIP: 16. Colesterol: 0 Fibras: 2 Fonte: Batuque na cozinha

Deixe uma resposta