Absorvente interno: um aliado no verão

Se sua menstruação vier em grande quantidade

 

As férias chegaram e o verão está logo aí. É hora de colocar um biquíni e curtir o calor. Às vezes a gente está super empolgada para ir para praia e passar o dia todo lá e, de repente, vem a (terrível) surpresa: o período menstrual chegou. Daí você se desespera porque pensa que não vai poder nadar, que vai ter que ficar de absorvente e de shortinho enquanto seus amigos se esbaldam na piscina. Mas calma! Se você aprender o jeitinho certo de usar, o absorvente interno pode ser um grande aliado e garantir a sua praia. O absorvente interno é feito de algodão e encontrados em três tamanhos: mini, normal e grande, cada um deles é para um tipo de fluxo. Para facilitar na hora de tirar, existe uma cordinha para você puxar que fica do lado de fora da vagina. O ginecologista Ricardo Vinícius de Souza avisa: – “para usar o absorvente interno é preciso tomar alguns cuidados básicos”. É normal ter dificuldade de colocá-lo nas primeiras vezes, principalmente se você for virgem.

 

Você não deve absolutamente ficar com ele mais do que quatro horas, senão pode vazar e facilitar a proliferação de bactérias. Se sua menstruação vier em grande quantidade, três horas é o máximo de tempo que você pode usar. “Na hora de colocar, fique bem relaxada e escolha um lugar tranqüilo.” Ninguém perde a virgindade usando um absorvente interno corretamente, afirma o Dr. Ricardo. O hímen é uma pele elástica que fica na entrada da vagina, com uma abertura natural, por onde passa o fluxo menstrual.

Existem diversos tipos de hímen, e a maioria das mulheres possui hímens com abertura por onde se pode normalmente colocar e retirar um absorvente interno, sem qualquer dano. Mesmo assim, para se sentir mais segura, antes de usar um absorvente interno consulte o seu ginecologista. Não precisa ficar com medo do absorvente interno ficar perdido dentro de você. O Dr. Ricardo explica: “ele não tem para onde ir. O absorvente interno tem de ficar na sua vagina, que é uma bolsa com forma de tubo com 8 a 13 centímetros de profundidade. Há uma abertura entre a sua vagina e o seu útero, situada no colo do útero, mas é menor do que a cabeça de um alfinete – pequena demais para que um absorvente interno passe por ela”! Algumas meninas colocam o absorvente e ficam sentindo um desconforto grande. Se isso acontecer com você, é porque o seu absorvente não foi colocado direito. Ele deve ficar na vagina que tem um espaço suficiente para que você não o sinta, enquanto o canal vaginal é estreito demais e inadequado para que ele fique. Por isso, quando colocar, não tenha medo e empurre bem no fundo – na profundidade de seu dedo – ou utilize um absorvente com aplicador. Na dúvida, observe as instruções que vêm junto com a caixinha do produto. Ah! E sabe aquele papo de ter que tirar o absorvente para fazer xixi? Nada a ver. A urina sai pelo canal da uretra e a menstruação pelo canal vaginal. Uma coisa não tem nada a ver com a outra. A única recomendação é que você segure a cordinha para não molhar. Por: Andreza Aguiar

Deixe uma resposta