Abuse das fibras!

As fibras também protegem o organismo e contribuem para o tratamento de afecções, como o diabete mellitus…

 

Alimentar-se bem é essencial para a manutenção da saúde e para o bom funcionamento dos órgãos. Contudo, existem algumas substâncias que são significativamente importantes para a prevenção de algumas doenças. É o caso das fibras. “Elas aumentam o volume de evacuações, regulam o tempo da digestão e diminuem a pressão da luz intestinal”, explica a nutricionista Luciana Coppini. As fibras também protegem o organismo e contribuem para o tratamento de afecções, como o diabete mellitus, dislipidemias, diverculites, hemorróidas, câncer de colo do útero e obesidade. Sem contar que são importantes aliadas da boa forma, durante dietas de emagrecimento.

 

Em geral, os alimentos de origem vegetal, como frutas, verduras, leguminosas e cereais integrais, são ricas fontes de fibras alimentares. No entanto, por desconhecimento, muitas pessoas preparam estes produtos de maneira inadequada, fazendo com que as propriedades e benefícios sejam desperdiçados. Na hora de preparar a comida, temperos e detalhes especiais fazem toda a diferença e não apenas no sabor. É preciso conhecer os valores nutritivos e propriedades de cada produto para que, além de gostosos, sejam saudáveis e benéficos ao organismo. A nutricionista dá alguns exemplos de como aproveitar todas as vantagens das fibras:

* Ao comer uma fruta, muitas pessoas têm a predileção por descascá-la. Tal preferência pode ser prejudicial ao aproveitamento das fibras que, frequentemente, estão concentradas nessa parte do alimento; * Outro hábito que interfere no consumo é cozinhar os alimentos. Assim, a fibra, antes insolúvel, passa a ser solúvel após o cozimento, o que interfere na sua potencialidade. Por isso, dê preferência a alimentos e legumes crus e vegetais folhosos, como alface, agrião, escarola, repolho, entre outros; * O mais adequado é consumir, no mínimo, de 25 a 30 gramas de fibras diariamente. Para tanto, abuse dos alimentos integrais e evite os refinados, como os pratos preparados com farinhas; * Não consumir fibras regularmente pode contribuir para problemas intestinais, como dores e desconfortos durante a digestão e eliminação de fezes. Fonte: O Estado do Paraná – PR

Deixe uma resposta