Cabelos e gravidez

A gravidez também muda a pele e articulações da mulher, e pode fazer ou desfazer

 

Lidando com os cabelos hormonais A gravidez muda a vida das pessoas de tantas maneiras. Une as pessoas, transforma casais em famílias, e em alguns casos salva vidas. A gravidez também muda o corpo de uma mulher de várias formas. Não se esqueça de observar além do crescimento da barriga e saliências em outras partes do corpo. A gravidez também muda a pele e articulações da mulher, e pode fazer ou desfazer sua “glória”… seus cabelos. Os hormônios associados à gravidez podem fazer com que coisas estranhas aconteçam ao seu corpo um dia normal. Começando mesmo antes do segundo em que aquela linha azul aparece no teste de gravidez, seu corpo já está mudando. Ele recebe um influxo enorme de hormônios no momento em que o espermatozóide fertiliza o óvulo, para que o mesmo sobreviva à jornada até o útero. Uma vez lá, ele se adere à parede macia do útero. Se os hormônios apropriados não estiverem presentes, este “acolchoado” macio na parede do útero é excretado, juntamente com o óvulo fertilizado. Qualquer mulher que já tenha ficado grávida e tenha tido o enjôo matinal sabe que há uma inconfundível sensação de início de gravidez. A extrema fadiga, náusea e vômito, a sensibilidade à temperaturas e cheiros e acne, são todos devidos ao aumento de certos hormônios. Pessoas familiarizadas com a gravidez também sabem sobre essas maravilhosas vitaminas prescritas durante o pré-natal. Antes de os pré-natais se tornarem tão comuns, havia um aumento nos defeitos de nascimento devido às deficiências na dieta da gestante. Os obstetras pouco sabiam que estas vitaminas aumentariam não apenas a saúde dos recém-nascidos, mas também aumentariam a saúde das unhas e cabelos da futura mãe. Muitas mulheres experimentam aumento dos pêlos e crescimento das unhas, assim como cabelos mais encorpados e brilhantes. No entanto, algumas mulheres experimentam o outro lado da moeda. Secura, cabelos quebradiços e queda de cabelos são queixas comúns das mulheres grávidas. As boas notícias são, você não precisará esperar a que nasça seu tesouro para ter seus cabelos “normais” de volta. Para combater os cabelos secos, use um bom condicionador e um condicionador profundo com mais frequência. Para prevenir a quebra, não há muito que você possa fazer, mas poderá usar produtos para modelar os cabelos, para esconder a evidência. Os cabelos quebram normalmente 1 centímetro considerando desde a raíz, mas não são muito evidentes na parte quebrada. A última e maior queixa é a queda de cabelos. Isto não acontece exatamente quando você está grávida, mas depois. Com o nascimento da minha primeira filha, meus cabelos que já eram grossos ficaram ainda mais grossos e cresciam incrivelmente mais rápido. Mais ou menos três meses depois de dar à luz, notei que os cabelos do meu bebê começaram a cair em toda a cabeça, não apenas no topo. Então notei que não apenas seus cabelos estavam caindo, mas que também os meus, a uma velocidade que faria um homem adulto chorar. Todo aquele cabelo extra que cresceu durante a gravidez estava agora abandonando o barco, era como se meus cabelos fossem ainda mais finos do que antes da gravidez, só pelo fato de me lembrar da versão “extra-grossos” que tive durante a gestação. Mais ou menos na época em que os cabelos da minha filha começaram a nascer bonitos os meus também resolveram se comportar. Então se acontecer com você, não tema, seus cabelos irão se acomodar naturalmente por sí mesmos. E só porque isto acontece uma vez, não quer dizer que todos os seus bebês irão causar calvície. Cada gestação é diferente. Assim como todas as gestações são diferentes, também todas as opiniões envolvendo permanentes e tingimento dos cabelos. Não há evidencia direta de que qualquer destes tratamentos cause danos ao feto em desenvolvimento, no entanto muitos médicos sugerem adiá-los para depois do primeiro trimestre. Depois dos três meses iniciais, assegure-se de seguir às ordens do seu médico. Lembre-se de que são apenas 9 meses em caso de seu médico dizer “não”. É vaidade para você, mas vida para seu feto. Não permita que os hormônios da gravidez enlouqueçam seus cabelos e que os mesmos enlouqueçam sua vida. Pode não haver muito que você possa fazer sobre as lágrimas que caem durante aquele comercial de lenços de papel ou músicas sertanejas, mas há muito que você pode fazer a respeito das mudanças em seus cabelos. Não “surte” se eles mudarem. Pare e pense sobre o que é preciso ser feito para viver com esta situação até que seus hormônios voltem ao normal. Seus cabelos voltarão, mas não conte com as lágrimas desaparecendo em um futuro muito próximo! ©Hairfinder.com

Deixe uma resposta