Coalhada: leite fermentado de elevado valor nutritivo

COALHADA! Conhecido como o primeiro alimento transformado que se tem notícia na história da

 

 

HUMMMMM…COALHADA! Conhecido como o primeiro alimento transformado que se tem notícia na história da humanidade e consumido há séculos em todo o Mediterrâneo Oriental, o leite fermentado (coalhadas iogurtes) é considerado o “Alimento dos Deuses” por suas características e propriedades. Por exemplo, o iogurte é um dos mais populares e conhecidos tipos de leite fermentado existentes no mundo. A preparação de leites fermentados é uma das formas mais naturais que existem de conservação do leite, já que a acidificação funciona como um preservativo natural contra o desenvolvimento de muitas bactérias nocivas. É, por esta razão, que os leites fermentados são oriundos de países quentes, e neles muito consumidos. Não fosse pela técnica da acidificação, muitas populações ficariam impedidas de consumi-lo, pelo menos em condições mínimas de segurança. A coalhada é um tipo de leite fermentado de elevado valor nutritivo, pois como ocorre, nos demais leites fermentados, seus elementos (do leite) são parcialmente pré-digeridos durante o processo de fermentação.

 

O elevado valor biológico das proteínas no leite fermentado é superior ao leite fresco, proporcionando o aumento da biodisponibilidade de vitaminas do complexo B, no intestino humano e a melhor absorção do cálcio pelo organismo. A coalhada, elaborada a partir de leite desnatado chega a ser 6 vezes mais digerível que o leite comum. A coalhada contribui pelo equilíbrio do ecossistema intestinal promovendo o seu balanceamento e, como resultado, modulando diarréias causadas pelo uso de antibióticos, por situações de stress e por tratamentos infecciosos, quimioterápicos e radioterápicos. Também atua na regularidade intestinal, principalmente para idosos.

Ilya Metchinikoff, cientista russo, em suas investigações, concluiu que, as bactérias fermentativas exercem ação inibitória sobre outras bactérias do intestino, contribuindo para a sua desintoxicação que prolonga a vida. A longevidade dos povos dos Balcãs, península à sudeste da Europa, era resultado de uma dieta rica em leites fermentados. ALGUNS BENEFÍCIOS . Reduz o colesterol sangüíneo (efeito anticolesterolênico). . Modula as diarréias causadas pelos tratamentos com antibióticos, quimioterapias, radioterapias e por situações de stress. . Alto valor nutritivo. . Melhora a digestão da lactose. . Aumenta a conservação do leite. . Recupera e equilibra a flora intestinal. . Melhora as funções intestinais. . Melhora a absorção do cálcio e proteínas do leite. . Desintoxica o intestino. . Aumenta a expectativa de vida. . Inibe a ação de bactérias patogênicas. . Tem efeitos anticarcinogênico. Fonte: www.queijosnobrasil.com.br

Deixe uma resposta