Como usar corretamente as lentes de contato

Se as suas lentes forem rígidas, ao retirá-las

 

Antes de manusear as lentes de contato, lave muito bem as mãos. Quando for retirar as lentes, evite utilizar as unhas. Se as suas lentes forem rígidas, ao retirá-las, siga a orientação do seu especialista, a fim de que elas não “pulem” inesperadamente e se percam. A pia é um dos maiores inimigos da lente de contato. Portanto, ao manuseá-la, certifique-se que existe alguma proteção no ralo de sua pia, evitando que, caso caiam, sejam “engolidas”. Observe atentamente as bordas do seu estojo, antes de fechá-lo. É muito comum de acontecer, quando não tomamos os devidos cuidados, fecharmos o estojo, picotando parte da lente que, porventura, tenha ficado para fora. Deixe seu estojo bem guardado e longe de crianças e curiosos, pois eles podem abri-lo e, ao fecharem-no incorretamente, suas lentes podem ser danificadas. Nunca guarde suas lentes em soro fisiológico. Utilize sempre produtos capazes de eliminar os microorganismos, promovendo uma assepsia química de alta qualidade e proporcionando segurança para seus olhos. Existem hoje no mercado vários produtos de assepsia destinados especificamente aos cuidados das lentes de contato. Nunca deixe suas lentes de contato fora do estojo, caso não estejam em uso. Por serem de difícil visualização, podem ser facilmente danificadas por insetos, pequenos animais, ou até mesmo, serem jogadas fora. O estojo é a “casa” das lentes de contato. Sendo assim, limpe-o sempre e troque-o por um novo, regularmente. Caso sinta algum desconforto, vermelhidão nos olhos, queda acentuada da visão ou embaçamento, retire imediatamente suas lentes e consulte seu especialista. Jamais durma com suas lentes de contato de uso diário, nem mesmo as utilize além do período prescrito por seu especialista. Existem ainda aquelas pessoas que são fisiologicamente impossibilitadas de dormir com lentes de contato, mesmo com as lentes destinadas para este tipo de uso (prolongado ou descartáveis). Se este for o seu caso, nunca esqueça das recomendações de seu especialista. Não utilize os colírios quando estiver usando lentes de contato. Utilize apenas lubrificantes específicos. Caso você use lentes de contato descartáveis de troca planejada, apesar de sentir as lentes sempre novas pela assepsia feita com os produtos, descarte-as no exato período prescrito por seu especialista. Evite nadar usando lentes de contato.

 

Além de correr o risco de perdê-las, você poderá, dependendo de onde estiver nadando, contaminá-las por microorganismos. Caso queira realmente nadar usando lentes de contato, lembre-se sempre de estar usando óculos de natação. Evite utilizar as lentes de contato em lugares com excesso de gases nocivos, “sprays” e partículas em suspensão, pois tal situação poderá acarretar danos na transparência e nos parâmetros das lentes, além de poder ser prejudicial para seus olhos. Quando estiver em uma moto, utilize sempre o capacete com viseira ou, caso o capacete não tenha viseira, utilize óculos de proteção. O vento em excesso poderá ressecar demasiadamente suas lentes, causando desconforto e possíveis irritações oculares. Existem algumas situações específicas, nas quais ocorrem acúmulos maiores de algumas substâncias em suas lentes de contato. Alguns tratamentos à base de hormônios e gravidez, entre outros, podem causar sensação de desconforto, além de danificarem suas lentes pelo acúmulo de proteínas. Especialmente nesses casos, é importante usar diariamente uma solução multiuso que remove também todos os tipos de proteínas. Mantenha produtos como esmalte, “sprays”, perfumes e cosméticos em geral, longe de suas lentes de contato e, quando manuseá-las, verifique se suas mãos estão bem limpas e livres dos resíduos deixados por esses produtos. As lentes de contato devem ser limpas (esfregadas) e enxaguadas com soluções específicas, antes de serem utilizadas. Para a limpeza do estojo, utilize apenas água limpa ou o próprio produto conservante da lente. Nunca utilize detergentes ou qualquer outro produto destinado à limpeza doméstica. As lentes de contato são extremamente frágeis, por isso requerem cuidados especiais para que não se percam, rasguem, picotem ou acumulem depósitos. Caso a lente caia no chão ou em qualquer outra superfície, pegue-a cuidadosamente (sem arrastar) e não a esfregue antes de enxaguá-la muito bem. Nunca use suas lentes caso apresentem qualquer tipo de depósito, picotes, rasgos, manchas, corpos estranhos, deformações ou alterações de aspecto ou cor. Sempre que estiver usando suas lentes (rígidas, gás-permeáveis ou gelatinosas), para seu maior conforto, aplique duas gotas de solução umidificante em cada olho três vezes por dia. Fonte: Clinica de olhos Dr. Moacir Cunha

Deixe uma resposta