Exibindo os pés

Como qualquer outra parte do corpo, os pés também precisam de

 

 

Como qualquer outra parte do corpo, os pés também precisam de cuidados. Principalmente nessa época do ano na qual eles ficam expostos ao vento, poluição e ao sol. O verão está aí e com ele a moda das sandálias de tiras finíssimas que deixam os pés quase nus. Esse tipo de sandália faz com que essa região fique exposta ao sol e à poluição durante muito tempo, portanto o ressecamento é inevitável. Calos pelas extremidades também são comuns por causa do atrito com as tiras. O calcanhar é a parte que sofre mais pois é ele que recebe todo o impacto do corpo, então, além de calos, ele forma rachaduras. É um grande desafio manter os pés bonitos nessa época do ano. Nem sempre só a pedicure dá jeito. Cuidar dos pés tem que ser uma rotina diária e, às vezes, é preciso recorrer até a um dermatologista ou um podólogo (especialista em pés). Cuidados necessários Unhas aparadas – Corte as unhas a cada três meses com um alicate ou use uma lixa para apará-las. É muito importante respeitar o formato reto da unha e não arredondar os cantos, pois isso aumenta as chances de ela encravar. Ela não deve ultrapassar o limite do dedo porque a unha muito comprida acumula resíduos de poluição. Lixe-se – A pele dos pés é mais grossa e resistente do que a de outras partes do corpo. Isso faz com que essa área fique mais protegida, pois sofre atrito constante. Mas às vezes ela fica muito grossa, então recomenda-se tirar as células mortas com uma lixa fina, uma vez por semana.

 

Faça isso depois do banho, levemente, quando a pele está mole. Tome muito cuidado com pedras-pomes, lixas de metal ou muito grossas porque elas podem machucar muito e acabar tendo o efeito contrário: engrossar a pele. Não podemos esquecer também de hidratar a pele dos pés. Retirar o ressecamento apenas com uma lixa não resolve. Esta pele tem que ser hidratada com cremes também. Dica: Em vez de usar uma lixa, você pode usar um esfoliante corporal, esfregando-o nos pés durante o banho duas vezes por semana. Para deixar os pés macios – Deixe os pés de molho em água e vinagre para amolecer a pele. Para cada litro de água use um copo de vinagre. Esta mistura tem um efeito calmante e antiinflamatório que é o ideal para quem anda ou fica em pé de salto o dia inteiro. Este ritual deve ser feito duas vezes por semana. Em seguida, massageie os pés com óleo de amêndoas ou de semente de uva. No caso da pele estar muito grossa, use uma lixa fina, como já foi dito, e depois aplique um hidratante. Produtos à base de uréia, lactato de amônio, silicone, alfahidroxiácidos e ácido salicílico são muito indicados. Pode-se usar o creme à noite, antes de deitar. Cutícula – Jamais remova a cutícula. Elas servem como proteção, impedindo a entrada de microorganismos. Se você realmente se incomodar com a cutícula, em vez de retirá-la, empurre-a cuidadosamente com uma espátula. O excesso de pele que fica nas bordas pode ser retirado com uma escovinha. É melhor que usar o alicate. Talco é perigoso – Para quem gosta de usar talco anti-séptico aqui vai um aviso: não se deve aplicá-lo diretamente nos pés, pois se ele se misturar com o suor dos pés, pode causar micose. O ideal é colocar uma pequena quantidade dentro dos sapatos. Use filtro solar – Não adianta, qualquer parte do corpo que fique exposta à luz do sol tem que passar filtro solar.

E isso inclui os pés, portanto; não vacile! Como acabar com os calos – Os calos são uma reação natural da pele ao atrito constante provocado por sapatos apertados, de salto alto, bico fino e má postura. A melhor coisa a se fazer para acabar com eles é recorrer ao podólogo. A única coisa que podemos fazer é evitá-los da seguinte forma: não usando sapatos apertados ou usando protetores especiais que protegem os pés contra o atrito. Mas isso só adia o aparecimento de calos. Recuperando os pés depois das férias Longas caminhadas na areia, exposição prolongada ao sol e ao vento, a água da piscina e do mar são extremamente prejudiciais aos pés. Depois daquelas férias na qual você passou o dia inteiro na praia, as unhas voltam deploráveis, a sola do pé fica grossa e ressecada. Para que os pés recuperem a beleza depois das férias é preciso um procedimento de urgência: ir a um podólogo. Numa sessão que dura cerca de 40 minutos, seus pés passam por um verdadeiro tratamento estético intensivo. Para começar, o especialista envolve a região com algodão ensopado numa substância emoliente, para amolecer a pele. Depois, com uma lixa elétrica, ele remove as células mortas e as calosidades leves. No caso de calos mais graves, são usados materiais mais específicos, como um bisturi, por exemplo. Após remover toda a pele ressecada, ele limpa os cantos das unhas com um pequeno bisturi ou uma broca delicada, afastando a cutícula sem removê-la, e tira o excesso de pele. As unhas são cortadas retas e usa-se uma lixa apenas nas extremidades. No final do tratamento, os pés recebem um banho de hidratante e uma massagem relaxante. A única coisa que fica faltando é o esmalte, mas isso não é com o podólogo. Layla Zinn Fonte: www.unisite.com.br

Deixe uma resposta