Hidratação profunda na estrutura dos fios

A chamada cauterização é um dos recursos mais utilizados nos salões atualmente

 

 

A chamada cauterização é um dos recursos mais utilizados nos salões atualmente para recuperar cabelos bastante danificados pelo uso de químicas fortes, como tinturas e alisamentos, e também dos estragos da praia ou excesso de secador e chapinha no inverno. Apesar de não ser um tratamento tão em conta, os resultados podem compensar os gastos com outras tentativas que provavelmente não dariam o mesmo resultado deste processo para o “conserto” dos cabelos. O segredo da cauterização é uso concentrado da queratina, uma proteína com alto poder de recuperar cabelos danificados, que normalmente apresentam as cutículas capilares abertas, fazendo com o cabelo perca água e também as proteínas e com isso fique sem vida, arrepiado e com pontas duplas. A queratina consegue atuar e recuperar nessas partes danificadas dos fios, fortificando o cabelo. Aliás, essa é a principal função da cauterização, o de reconstruir o fio capilar, mas, os tratamentos de hidratação não estão dispensados. Porém, a cauterização é indicada para cabelos realmente danificados, caso contrário, pode-se desperdiçar dinheiro, pois caso o cabelo não precise desse tipo de tratamento de choque o resultado acaba não sendo o esperado.

 

A cauterização é feita em várias etapas. De modo geral, o tratamento começa com o uso de um shampoo anti-residúos ou de limpeza profunda, na seqüência os cabelos são separados em mechas e a queratina é aplicada (existem várias marcas no mercado) com cuidado em cada uma delas. A finalização do processo é feita com uma prancha própria para a função, o vapor e a alta temperatura ajudam a queratina a selar as cutículas capilares. O processo elimina o aspecto arrepiado dos cabelos e deixa os cabelos brilhantes. Caso os cabelos estejam muito danificados por processos químicos, como alisamentos ou tinturas, a indicação é que o tratamento seja feito com intervalos de 20 dias, pelo menos umas quatro vezes. Neste período é aconselhável também fazer tratamento de manutenção com máscaras hidratante e reconstrutora, mesmo que seja em casa. Na época do frio, é um dos processos mais procurados. “A cauterização é o que pega no inverno, especialmente por que ajuda a hidratar e reconstruir a fibra capilar, tão agredida pelos efeitos do dia-a-dia”, diz André Martins, do Jacques Janine Vila Nova Conceição. Nos salões a cauterização pode ter vários nomes e pequenas diferenciações de aplicação e produtos. No Jacques Janine há ainda a chamada plástica capilar, que consiste em uma cauterização intensa com produtos emolientes, e também com finalização com a chapinha. Há também a cauterização fria, ou seja, que não necessita do calor da chapinha para selar os fios. Jacques Janine Vila Nova Conceição Tel: (11) 3846-4644

Deixe uma resposta