Mitos e verdades sobre a dermatite seborréica

Cortar ou raspar os cabelos leva à cura da dermatite seborréica

 

. Cortar ou raspar os cabelos leva à cura da dermatite seborréica? Mito: está comprovado que não há relação entre o tamanho do fio de cabelo e a presença de descamação. Dessa forma, cortar ou raspar os cabelos não leva à cura da doença, mas pode aliviar o quadro e ajudar no tratamento com xampus. . A dermatite seborréica é contagiosa? Mito: sabe-se que a dermatite seborréica é uma doença constitucional, ou seja, relacionada às características do próprio paciente portador, não sendo transmitida por contato direto ou por objetos de uso pessoal. . A limpeza do couro cabeludo diminui a seborréia? Verdade: a limpeza do couro cabeludo com xampus destinados a remover as escamas, a oleosidade e os fungos diminuem a seborréia. Mas o paciente também deverá eliminar os fatores agravantes e reguladores da doença. . Caspa é sinônimo de falta de higiene? Mito: indivíduos portadores de dermatite seborréica causam repugnância em algumas pessoas, que associam a doença à falta de higiene da pele e dos cabelos. Não há, no entanto, relação. A dermatite causa produção contínua de sebo, mesmo quando os cabelos são lavados. O necessário é uma orientação correta em relação a xampus específicos a serem usados. . No inverno há piora da dermatite seborréica? Verdade: o clima frio determina uma maior descamação do couro cabeludo, devido à maior velocidade de crescimento e maturação celular. Além dos banhos muito quentes, que pioram o estado seborréico. . O sol e a água do mar melhoram a dermatite seborréica? Mito: Não há melhora do quadro. Seja qual for o tipo de cabelo, deverá haver proteção contra os malefícios do sol e da água do mar.

 

Pode haver uma falsa melhora, com a diminuição da oleosidade por alguns dias. Massagens capilares pioram o estado seborréico? Mito: Não há relação entre as massagens e piora ou melhora da dermatite seborréica. . Existem doenças que facilitam a presença da seborréia? Verdade: Algumas doenças como diabetes, AIDS, distúrbios neurológicos (como mal de Parkinson e epilepsia) e obesidade, entre outras predispõem o indivíduo a desenvolver a doença. Nesses casos, ela é mais intensa e de difícil controle. . Alimentos gordurosos e a bebida alcoólica podem influenciar a dermatite seborréica? Controverso: alguns pacientes relatam que a ingestão destes alimentos agrava o quadro. Mas não existem estudos comprovando a relação. De fato, se o paciente sente a piora, ele deve evitar o consumo. . O estado emocional de estresse e descontrole psíquico interferem na seborréia? Verdade: esses fatores já foram comprovados cientificamente como agravantes da dermatite seborréica em pacientes predispostos. . Há relação hormonal com o estado de oleosidade da pele? Verdade: o hormônio sexual masculino tem influência direta sobre as glândulas sebáceas, levando-as a um aumento e à hiperatividade. Conseqüentemente há maior produção de sebo.

O sexo masculino é, por isso, mais acometido. . A dermatite seborréica pode levar à queda de cabelos? Verdade: cerca de 72% dos indivíduos acometidos pela doença apresentam algum grau de queda, que pode ser controlada com o tratamento. . Existem alguns medicamentos que produzem a dermatite seborréica? Mito: existem alguns medicamentos que levam a um quadro dermatológico semelhante ao de dermatite seborréica, com oleosidade e descamação do couro cabeludo e da pele. Entre eles estão o arsênico, sais de ouro, metildopa, cimetidina e neurolépticos. Com a suspensão do medicamento, há melhora e regressão do quadro. . Lavar os cabelos todos os dias prejudica a raiz, levando à queda? Mito: a lavagem diária dos cabelos não interfere nos bulbos capilares. Os fios que caem durante a lavagem já estão em fase de queda e cairiam de qualquer forma. Apenas a superfície da pele se embebe com água. Não há penetração na raiz e não há, portanto, apodrecimento dos cabelos. . O uso contínuo de xampus terapêuticos resseca os cabelos e consequentemente os enfraquece? Mito: o ressecamento dos cabelos está relacionado às propriedades cosméticas e farmacêuticas de cada xampu. Assim, algumas substâncias adicionadas ao xampu não deixam ressecar os fios de cabelo e facilitam o penteado. . O uso de condicionador pode causar queda de cabelos? Mito: os condicionadores não interferem na fase da queda dos cabelos. Assim, em pessoas sem predisposição para a queda de cabelos, estes produtos não alteram o ciclo dos pêlos. Fonte: Maura Simões Bressan, médica do Serviço de Dermatologia da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Texto extraído da palestra proferida na ocasião do lançamento do produto Ortosol P, do Laboratório Galderma Folha Online www.nutribel.com.br/produto.php?cod_produto=314161

Deixe uma resposta