O corte de cabelo certo para o seu rosto

Os traços de sua fisionomia podem ser

 

Cortar o cabelo sempre exige um pouco de coragem, principalmente de quem cultiva longas madeixas. E o medo depois se o corte não ficar bom? Já que para escolhermos o corte que vai para a nossa cabeça pesamos desde as novas tendências até a sugestão da amiga, pelo menos é bom sabermos se esse corte é indicado ou não para o seu tipo de rosto. Os traços de sua fisionomia podem ser totalmente alterados, para melhor ou pior, conforme o corte dos cabelos, já que eles funcionam como uma espécie de moldura da face. Para poder escolher o visual mais favorável a seu tipo, confira os sete formatos básicos de rosto e os cortes indicados para deixá-los mais bonitos e harmoniosos. OVAL: Considerado o formato ideal, pois apresenta medidas equilibradas, sem ângulos fortes e com distância proporcional entre testa e queixo. Tem tamanho menor do que os outros rostos e aceita qualquer tipo de corte ou penteado, desde que deixe as feições em evidência, com os fios afastados. Quem tem sorte de ter este tipo de rosto deve tirar partido das linhas perfeitas, evitando escondê-las com franjas espessas e excesso de pontas na direção da face. HEXAGONAL: A testa estreita, com cabelos nascendo próximos aos olhos e sobrancelhas, e o queixo fino contrastam com as bochechas salientes. O mais indicado é suavizá-las, dando destaque para as mechas laterais, que podem ser incrementadas com permanente em fios muito lisos.

 

Tome cuidado para não exagerar no volume dos fios da parte superior da cabeça e fique longe de cortes muito curtos, que deixam este tipo de rosto ainda mais largo. TRIANGULAR: Tem testa larga e achatada, maçãs de rosto estreitas e queixo pequeno, como se fosse um triângulo invertido. Cortes com volume entre queixo e pescoço ajudam a compensar a desproporção da parte inferior da face. Mas tome o cuidado de deixar os fios em direção contrária ao rosto. Se a testa for muito longa, evite puxar os cabelos para trás, em topete, pois parecerá maior ainda. O melhor é uma franja mais leve com os fios desfiados ou bem repicados. REDONDO: Possui bochechas generosas, testa curta e queixo pequeno. O truque para suavizar o aspecto “achatado” deste tipo de fisionomia é alongar suas linhas com cortes que deixem as mechas laterais, médias ou longas, com as pontas viradas para o rosto e possibilitem a modelagem de “topetes” para criar o volume necessário na parte superior da cabeça. Evite ao máximo cabelos muito curtos, com volume lateral excessivo ou fios repicados na altura do queixo. QUADRADO: Testa grande, maças do rosto e maxilar com a mesma largura. Como no rosto retangular, é preciso desviar a atenção dos ângulos retos, privilegiando os comprimentos médios e longos. Cortes com as pontas viradas para o rosto, em fios desfiados ou repicados apontando para o queixo e com aumento de volume no topo da cabeça são indicados para este tipo de face. Se os fios forem lisos e o corte reto, experimente modelar a parte da frente em um “topete”. RETANGULAR: Este tipo de rosto é longo e anguloso, pois apresenta grande distância entre os olhos e o queixo, além de maxilares alinhados com a testa. É preciso suavizar o contorno facial, criando linhas que disfarcem o tamanho exagerado da face. Uma boa opção é a franja “falsa”, com apenas alguns fios desfiados, para deixar a testa menos evidente, e laterais repicadas. Evite cabelos muito compridos, que destacam o formato alongado e o estilo super liso, com fios grudados à cabeça, pois não contribuem para suavizar o rosto. Fonte: www.flashclass.com.br

Deixe uma resposta