Orientações sobre alimentação durante a gestação

Este é um texto introdutório de exemplo para visualização do novo Site Médico. Em breve, totalmente reformulado.

1º Mês Coma muito bem. É hora de programar uma dieta bem equilibrada. Refeições leves e freqüentes devem substituir aquelas grandes e espaçadas.Certifique-se de ingerir proteínas por dia e bastante cálcio e fósforo necessários para a formação dos ossos e dos dentes do bebê. Não podem faltar em sua mesa leite, queijo, frutas, vegetais com folhas verdes ( especialmente brócolis ), ovos e carnes magras. 2º Mês Evite as comidas muito pesadas (tipo feijoadas, churrasco, frituras, etc), afinal esta é a época dos enjôos. 3º Mês Beba pelo menos 2 litros e meio de água por dia. O ideal é você ter uma garrafa de água só sua, para poder controlar a quantidade de líquido ingerida. (neste período você sentirá muita sede e deve ingerir bastante líquidos. vitaminas e sucos naturais também devem fazer parte do seu cardápio diário. Evite beber chás diuréticos, pois pelo seu efeito podem transformar sua vida num vai e vem de banheiros, ou causar algum grau de hipotensão e pressão baixa. 4º Mês Aproveite, você chegou na melhor fase. Os enjôos já devem ter passado, seu bebê ficou mais seguro e você está leve e com muita disposição. Cuidado para não exagerar. 5º Mês Sua dieta deve permanecer saudável e equilibrada. Nesta fase é muito comum as futuras mamães comemorarem o fim dos enjôos e mal estar com guloseimas, frituras, doces e gorduras. Previna-se de tentações e mantenha a geladeira cheia de frutas, gelatinas, verduras, e legumes. Fora isso só em ocasiões muito especiais e em pequenas quantidades. Lembre-se a sua digestão demora mais e a gordura acumulada na gravidez é mais difícil de desaparecer depois. 6º Mês Restrinja o uso do açúcar refinado, sobretudo entre as refeições e consuma alimentos ricos em vitamina C, que fortalecem a gengiva e a circulação (mas não elimine o açúcar totalmente, pois o bebê precisa dele para crescer). Assegure a cota diária de cálcio (ex. 03 copos de leite diários). O cálcio é responsável pelo fortalecimento dos seus dentes e para a formação dos dente do bebê. Continue com uma alimentação saudável e equilibrada e lembre-se falta pouco!!!! 7º Mês Continue cuidando da sua alimentação e tomando as vitaminas recomendadas pelo seu médico. Muitas mulheres dobram o apetite nesses últimos meses. É normal em parte pela ansiedade com a proximidade do parto, em parte com o fato do bebê começar a ganhar peso. Evite cometer excessos, mas continue se alimentando muito bem. 8º Mês Continue cuidando da sua alimentação sem exageros! Realize todas as refeições diárias, com moderação e bom senso na hora do tipo de alimentos consumidos e restringindo sua quantidade. 9º Mês Se desejar alguma comida especial não se prive, satisfaça a sua vontade dentro do razoável, desde que sua escolha não lhe cause má digestão. Aproveite!! A alimentação da mulher durante a gravidez tem a finalidade de manter a gestante saudável, formar o bebê, armazenar nutrientes para a fase de amamentação, e para o bebê nos seus primeiros dias de vida. Portanto, um bom suporte nutricional nesta fase irá ajudar a mulher a ter uma gestação saudável e segura. Adriana C. M. Raimundo CRN 9352 Nutricionista Supervisão: Dra. Ana Cristina Torqui Departamento Médico

Deixe uma resposta