Os segredos dos caracóis definidos

Os cabelos cacheados e crespos apresentam menos brilho

 

Cachos com movimentos, bem definidos e sem volume. Se este pedido está na sua lista de desejos, trate de aposentar a chapinha. A cada dia as prateleiras estão mais recheadas com novidades que prometem domar a cabeleira, controlar o arrepiado e deixar todos os fiozinhos no lugar. Cuidados especiais, como usar os produtos certos, hidratar e pentear corretamente, estão entre os segredos de sucesso dos caracóis. Os cabelos cacheados e crespos apresentam menos brilho, pois refletem a luz por diferentes ângulos, a cada curva do fio. “Normalmente são mais secos devido à dificuldade que a oleosidade do couro cabeludo tem em atingir as pontas, em razão da quantidade de curvas ao longo do fio”, revela Cristiane Braga, médica do Instituto de Pesquisa e Tratamento do Cabelo e Pele (IPTCP). Os cuidados semanais incluem o uso de xampus e condicionadores específicos, com propriedades hidratantes e emolientes, capazes de reter maior quantidade de água no fio. “Lave os cabelos a cada dois dias com xampus apropriados, aplique um leave-in (cremes sem enxágüe) com filtro solar e uma máscara nutritiva”, orienta Cristiane. Os fios também devem ser protegidos contra o sol, vento e poluição, agressores que ressecam ainda mais a cabeleira. A hidratação não pode ficar de lado. Deve ser feita toda semana ou a cada quinze dias, dependendo do cabelo. Quando os fios estão tratados e hidratados, os cachos ficam mais definidos e o volume controlado.

 

“Produtos chamados de filmógenos (que formam um filme protetor) conferem uma proteção extra aos fios, resultando num cabelo com aspecto mais bonito”, diz. A médica lembra que a hidratação também deve chegar de dentro para fora. “É essencial a ingestão de, pelo menos, dois litros de água para manter os fios saudáveis e hidratados”, indica Cristiane. Os ingredientes mais indicados para hidratar e manter a saúde dos fios são: . Ingredientes hidratantes e emolientes, como ceramidas, proteínas do leite e da seda, os fitoesteróis (extraídos do gérmen de trigo e da soja) e extratos vegetais; . Produtos filmógenos, como dimeticone, fucogel e queratina. Quando os cabelos cacheados e crespos são submetidos a químicas como tintura ou relaxamento, ficam ainda mais expostos. “Nestes casos é necessário redobrar os cuidados, como hidratação profunda semanal ou uma cauterização mensal (técnicas realizadas por profissionais), dependendo do exame clínico do cabelo”, aconselha Cristiane. Segundo a médica, a maneira correta de pentear os cabelos cacheados é evitar tracioná-los com freqüência, como apertá-los demais na toalha de banho. “O ideal é penteá-los úmidos com um pente de dentes largos. Quando os cachos são penteados com os fios secos, a tendência é que desmanchem, percam a definição”, completa. Fonte: xenicare

Deixe uma resposta