Queda e caspa: invista na prevenção!

Lave os cabelos sempre em água morna e passe

 

Para evitar ou amenizar a queda de cabelos e a caspa, você pode adotar alguns cuidados diários. “Mas, evite receitas caseiras”, alerta Ricardo Cassolari. A indústria cosmética está tão evoluída que, hoje, o consumidor encontra produtos para esses tipos de problemas, na medida certa. Fique atenta às recomendações. • Não tenha medo de lavar a cabeça, pois isso não agrava a queda dos fios ou a caspa. Utilize água morna. A água quente dilata os poros e ativa a produção de sebo que, em excesso, provoca o surgimento desses problemas; • Seque os cabelos com secador em temperatura média, mantendo o equipamento a uma distância mínima de 15 centímetros; • Adote uma alimentação equilibrada, diminuindo gorduras saturadas e optando pela ingestão de proteínas (carnes magras), vegetais, carbohidratos, óleos vegetais e açúcares naturais (frutas e mel). • Lave pentes e escovas, periodicamente, para remover microorganismos; • Em caso de oleosidade excessiva nos cabelos, use shampoos com substâncias desengordurantes; • Pelo menos uma vez por semana, utilize um shampoo específico para o tratamento desses problemas (produtos antiqueda ou anticaspa); . Lave os cabelos sempre em água morna e passe condicionadores somente nas pontas

 

• Aplique condicionadores somente nas pontas. Se quiser, utilize reparadores de pontas a base de silicone, mas procure escolher um bom produto e remova-o, depois, com shampoos apropriados; • Mensalmente vá ao salão de beleza para fazer hidratação profunda, com profissional habilitado. Cabelos extremamente ressecados exigem que esse procedimento seja realizado uma vez por semana. Depois de recuperados os fios, a hidratação passa a ser mensal. • Faça também uma hidratação semanal, em sua casa, com produtos apropriados e de boa qualidade, para manter o aspecto saudável dos cabelos; • Massagem no couro cabeludo realizada por esteticista habilitada também ajuda, pois melhora a oxigenação local; • Evite o uso excessivo de produtos que “grudam” nos fios nesse período, como géis e mousses. Precisando usar, recomenda Cassolari, “remova-os totalmente durante a lavagem com o uso de produtos anti-resíduos. Isso evitará o aparecimento de caspas”. • Evite também o “estica e puxa” constante dos cabelos na hora da escovação sob o calor do secador, pois isso torna os fios quebradiços e sem brilho; • Se a caspa já estiver instalada no couro cabeludo, evite o uso de tinturas ou outros produtos químicos; • Utilize loções, condicionadores e shampoos especialmente criados para o tratamento anticaspa; • Vale lembrar que a limpeza e a remoção de crostas, no caso da caspa, costuma ser mais difícil em cabelos muito longos. Por isso, Ricardo Cassolari recomenda o corte das pontas dos fios durante o inverno. No caso dos cabelos curtos, faça isso a cada 45 dias; para os longos, a cada 2 meses; • Não crie o hábito de cutucar as feridas e cascas, que por ventura apareçam, com unhas e pentes, pois há risco de infecção.” Estresse, fadiga, tempo seco e poluição favorecem o aparecimento da caspa. Fonte: Natura www.nutribel.com.br/produto.php?cod_produto=314161

Deixe uma resposta