Sintomas do estresse infantil

Entre as principais situações relacionadas ao Estresse Infantil considera-se importante: as perdas familiares

 

Até tempos atrás, o Estresse era tido como exclusividade dos adultos, sendo as crianças imunes porque “elas não tinham problemas”. Entretanto, recentes pesquisas mostram que, hoje em dia, elas também têm sido acometidas ou, como se suspeita, hoje em dia elas passaram a merecer também atenção quanto ao seu conforto emocional. Entre as principais situações relacionadas ao Estresse Infantil considera-se importante: as perdas familiares, mudança de cidade ou escola, separação dos pais, brigas entre os pais, violência doméstica, quando um dos pais bebe e fica violento, exigência exagerada de desempenho escolar, social ou no esporte, nascimento de irmãos, doenças e hospitalização. O estresse Infantil tem sintomas físicos e psicológicos. Entre eles podemos encontrar: – Pesadelos – Ansiedade – Impaciência – Medo excessivo – Choro excessivo – Introversão súbita – Agressividade – Desobediência – Hipersensibilidade Sintomas Físicos: – Diarréia crônica – Tique nervoso – Dor de cabeça – Gagueira – Tensão muscular – Ranger de dentes – Falta de apetite – Dor de barriga – Náusea – Xixi na cama à noite Geralmente o estresse Infantil acomete crianças a partir dos 6 anos de idade e, com freqüência, é primeiramente suspeitado quando começam os problemas de adaptação na escola. Pode ainda se manifestar como agravamento de quadros pré-existentes, como por exemplo, asma, obesidade, problemas de pele, alergias, recaídas de gripes e resfriados. Uma criança estressada pode ser preditiva de futuro quadro depressivo na adolescência, de futuras dificuldade de adaptação e auto-estima rebaixada. www.psiqweb.med.br

Deixe uma resposta