Tai chi chuan e a saúde

a De acordo a uma pesquisa médica publicada em 1986 no “China Sports”, a prática do Tai Chi Chuan gera um sentido de paz interior, na medida em que nos concentramos nos movimentos sem nos distrairmos, e os movimentos suaves e fluídos, fazem com que a mente e os músculos relaxem, promovendo a flexibilidade. Esta “meditação no movimento”, conta-se nas lendas, engendra poderes supra- humanos em seus praticantes. E esta lenda é uma verdade! Aqueles que praticam o Tai Chi Chuan consistentemente, tem uma vida diferente, especialmente quando chegam aos 80 e 90 anos de idade. Seus ossos são fortes, não são frágeis. Suas juntas são flexíveis, não sendo doloridas ou rígidas. Suas mentes não divagam; eles permanecem alertas, conscientes e com grande capacidade de concentração. Seu coração é forte e bate calmamente, e seus corpos tem uma grande força interior que previne todas as enfermidades. O Tai Chi é freqüentemente prescrito como um tratamento, a um grande número de doenças e condições dolorosas. Se você tiver uma artrite por exemplo, o Tai Chi será o seu melhor exercício para alongamentos, pois ele provê a flexibilidade necessária para que as juntas enrijecidas possam se mobilizar novamente com elasticidade. Se você tem câncer, o Tai Chi é ideal porque ele melhora a sua capacidade aeróbica e estimula o sistema imunológico sem prejudicar os radicais livres. Se você sofre do coração, praticando Tai Chi regularmente, não apenas a pressão sangüínea irá se regularizar, mas também, você irá perder peso, e eliminar sentimentos negativos, tais como raiva, frustração e depressão as quais podem desencadear um ataque do coração. E ainda, os movimentos são simples, suaves e fáceis de serem aprendidos. Não exigem habilidades especiais e podem ser executados em qualquer lugar, interior ou exterior, sozinho ou em grupo. Qualquer pessoa pode desenvolver a arte a níveis bastante elevados. Basta uma prática consistente, concentração e um bom professor. Por Maria Angela Soci Diretora da Sociedade Brasileira de Tai Chi Chuan e Cultura Oriental

Deixe uma resposta