Tratamento da micose de unha

O tratamento de uma micose de unha é geralmente demorado e necessita

 

 

O tratamento de uma micose de unha é geralmente demorado e necessita, juntamente com um bom medicamento, de sua colaboração ativa e persistente. O tratamento pode ser feito com comprimidos decompostos antimicóticos ou antifúngicos, e/ou mediante apicação de um esmalte com composto antifúngico. Caso seu médico opte pelo tratamento com esmalte, atente para estas orientações ao tratamento de micose de unha. Estas informações são importantes sobre como usar esmaltes terapêuticos. O crescimento de uma nova unha geralmente requer um longo tempo. Portanto tenha paciência, mesmo que decorridas algumas semanas de tratamento, e você não tenha observado nenhuma melhora aparente. Uma unha normal e sadia, cresce cerca de 2mm por mês. Para que a sua unha doente possa recuperar-se integralmente, é preciso que você faça uso de esmalte terapêutico para unhas, com frequência constante e regular, conforme indicado pelo seu médico. Além disso, devem haver os seguintes cuidados: Antes da primeira aplicação do esmalte terapêutico, recomenda-se cortar a unha o mais rente possível, com alicate ou tesoura apropriada; Com uma lixa grossa, lixar a unha o máximo possível até atingir a sua parte boa e sadia. O restante da unha ficará então mais fino.

 

As lixas utilizadas nas unhas afetadas não devem ser utilizadas em unhas sadias; Aplique, em seguida, uma fina camada do esmalte terapêutico sobre a unha doente, sendo suficiente uma ou duas pinceladas. Forma-se então uma fina camada de esmalte sobre a superfície da unha com micose. Para eliminar a micose é suficiente uma camada homogênea do esmalte, que não precisa ser grossa nem muito brilhante. Uma vez por semana toda a camada de esmalte deverá ser retirada das unhas com micose, usando-se lencinho umidecido com alcool que acompanha o frasco ou com algodão embebido em removedor de esmalte. Após limpar a unha deve-se remover da mesma, através de lixamento, todo o material estranho depositado em sua superfície. Quando houver borragem ou descascamento da camada de esmalte na superfície da unha, é suficiente renovar o local com uma passagem de pincel com esmalte terapêutico para unhas. A mulher preocupada com sua estética não precisa deixar de usar o esmalte cosmético para unhas de sua preferência durante o tratamento com esmalte terapêutico. Após secagem da camada do esmalte terapêutico espalhado sobre a unha com micose, conforme orientado acima, esta camada poderá ser recoberta por outra, superposta, do esmalte cosmético, sem perda do efeito terapêutico da medicação. Fonte: Portal dos cabelereiros

Deixe uma resposta