Vista cansada tem correção

Chegar aos 40 anos de idade pode trazer muitas vantagens tanto para

 

Chegar aos 40 anos de idade pode trazer muitas vantagens tanto para homens quanto para mulheres. Uma delas é estar maduro o suficiente e contar com essa experiência para melhor entender alguns aspectos da vida. Mas a idade também pode significar que é preciso estar atento à saúde, em especial à saúde dos olhos. Se você, por exemplo, já esticou o braço para afastar uma revista para poder ver melhor provavelmente entrará no time dos que têm presbiopia, conhecida também como vista cansada. A presbiopia, na verdade, ocorre com todo mundo, mais cedo ou mais tarde, mas costuma aparecer por volta dos 40 anos. É quando o cristalino, a lente natural do olho humano, fica menos flexível. Há um músculo que envolve essa lente, que se dilata ou contrai e muda a curvatura para compensar a visão para se enxergar de perto ou longe. Com o passar dos anos, essa musculatura continua a funcionar, mas a capacidade de contração já não é mais a mesma. A oftalmologista Tania Schaefer, presidente da Associação Paranaense de Oftalmologia (APO), explica que tem sido grande a procura pela prevenção. “O desconforto provocado pela presbiopia tem feito muitas pessoas procurarem auxílio médico, pois os exames feitos podem diagnosticar outros problemas, como o glaucoma ou outras degenerações intra-oculares, que também costumam surgir nessa idade”, observa. Esse desconforto, completa a oftalmologista, é corrigido com uso de óculos ou lentes de contato.

 

Os óculos podem ser bifocais, com parte da lente para se enxergar longe e a outra parte para se ver perto e os multifocais, que podem englobar correções para perto, média distância e para longe numa única lente. As lentes de contato apresentam um grande avanço nesta área. A correção da presbiopia por meio de de lentes de contato pode ocorrer pelo uso de visão monocular , onde um olho é corrigido para longe e o outro para perto, técnica muito aceita pelos usuários de lentes ou por meio de lentes multifocais. Tania Schaefer salienta que os óculos e lentes de contato têm efeitos corretivos e não curativos, ou seja, só darão resultado se utilizados de forma correta. “Ao se tirar, perdem a função”, diz. Ela explica que existem diversas maneiras de se corrigir a presbiopia e as variações dependem de cada caso, mas que a cura se dá somente por meio de cirurgia. “As cirurgias, a laser, são aplicadas em casos de miopia, hipermetropia e astigmatismo”.No caso da presbiopia. Para eliminar de vez a presbiopia, Tânia comenta que a técnica de remoção do cristalino e o implante de lentes intra-oculares são capazes de corrigir a visão de longe e perto, por se tratar do local certo para a correção, apontado pelas pesquisas atuais, são de indicação correta. “Hoje a tecnologia está muito avançada, o que resulta nos sucessos das cirurgias”, afirma. Segundo ela, se a presbiopia for tratada apenas na superfície da córnea pelo laser, e não com a remoção do cristalino, no futuro podem ocorrer descompensação da graduação , caso o cliente apresente, por exemplo, uma catarata. Tania observa que cada caso, no entanto, precisa ser bem analisado. “É preciso discutir cada situação, ver as necessidades profissionais de cada pessoa e fazer uma profunda avaliação dos riscos e benefícios. Só depois se opta ou não em realizar a cirurgia”, considera. Clínica Schaefer – Clínica de Olhos, Lentes de Contato, Cirurgias de Grau. Av. Getúlio Vargas, 2.932 – 8.º andar – Água Verde – Curitiba – PR Telefone: (41) 3027-3807 – www.schaefer.com.br Fonte: Revista Vivre.

Deixe uma resposta