Descubra o poder do tomate

Esse fruto é uma excelente fonte de nutrientes, vitaminas e ainda previne contra doenças e envelhecimento precoce…

 

Esse fruto é uma excelente fonte de nutrientes, vitaminas e ainda previne contra doenças e envelhecimento precoce. De custo baixo e facílimo de encontrar, imprime um sabor original aos cardápios. Transita praticamente por todas as cozinhas do planeta, das mais diversas formas: em molhos, saladas, caldos, sopas, sucos ou desidratado (seco). Além de ser um alimento saboroso contém poucas calorias (21 cal/ 100 g), se tornando um grande aliado da dieta saudável. Com tantas espécie os chefes indicam como podem ser utilizados: o caqui, grande e largo, incrementa saladas e sanduíches; o italiano, alongado, é ideal para preparar molhos; o cereja é utilizado inteiro em saladas; os verdes são consumidos fritos; o Débora, que pode ser pequeno ou médio, fica perfeito em saladas, molhos ou seco. Nesse último caso, é muito utilizado como antepasto e recheio de tortas e massas e ainda para acompanhar risotos.

 

O tomate ganhou o mundo e provou ser generosa fonte de saúde. O licopeno, seu maior nutriente, contém propriedades antioxidantes e previne alguns tipos de câncer. Estudos o apontam como um poderoso antídoto contra os tumores de próstata, útero, mama, intestino, bexiga e pulmões. Além das propriedades antioxidantes ele possui também alta concentração de folato, vitamina do complexo B ajudão a prevenir a anemia e os problemas cardiovasculares. Na prática Para obter esses benefícios basta ingerir um copo de suco ou de molho, de 200 ml, quatro vezes por semana aconselha os mutricionistas. Quando consumir o fruto in natura ou em molhos para pizzas, saladas, refeições ou lanches, deve-se aumentar a freqüência de consumo pois se ingere uma dose bem menor do que o necessário. Vale lembrar que os derivados do tomate são mais concentrados que o fruto in natura.

O vegetal fresco pode ter até três vezes menos licopeno do que uma porção de molho de tomate. O tomate, quando exposto a altas temperaturas, sofre uma quebra das moléculas de licopeno, o que facilita sua absorção pelo organismo e aumenta seu poder nutritivo. Aproveite o máximo do tomate: • Na hora de comprar leve em conta a forma como será preparado. Eles precisam ser bem maduros e vermelhos para dar cor e consistência aos molhos, sopas, cremes e sucos, mas não há necessidade de que sejam grandes e bonitos. • Se não for fritá-los, evite comprar os tomates verdes, que amadurecem fora do pé, pois eles têm menos vitaminas que os maduros. • Se for usá-los em saladas, escolha os tipos grandes, que não estejam machucados, de cor uniforme, lisos e brilhantes. Nunca pegue os com manchas escuras. • Conserve-os na geladeira. A temperatura baixa diminui a ação de enzimas que levam à redução dos nutrientes. E aproveite para colocá-los em sacos plásticos bem secos, para evitar a perda de água e de suculência. • Não os deixe na geladeira por mais de uma semana. • O tomate inteiro não deve ser congelado. Apenas o molho pode ir ao congelador. Dra. Vivian Amin – Nutricionista da Fisioforma Fonte: http://www.fisioforma.com.br

Deixe uma resposta