Limão: alimento que cura e relaxa

Ele afasta o desânimo, a ansiedade e a depressão em favor do ânimo

 

Tenha sempre um limão por perto! Ele não serve apenas para fazer sucos e receitas deliciosas. Suas substâncias possuem vários efeitos curativos, sendo um remédio natural e extremamente benéfico no combate a diversos tipos de enfermidades como azia, anemia, sinusite, dor de cabeça, hemorróidas, acne, entre muitas outras, além de atuar em nosso psicológico e emocional. Alguns dos responsáveis por todos esses benefícios são uma rica fonte de vitamina C e uma substância chamada d-limoneno, um princípio ativo presente em sua casca, que ajuda no combate à ansiedade, à depressão, ao câncer, além de dissolver cálculos renais e desentupir artérias.

O limão possui, ainda, outras propriedades como o de adstringente, bactericida, fungicida, antibiótico, clareador e redutor da oleosidade da pele e do couro cabeludo, e também ajuda no tratamento de celulites e varizes, pois ativa a circulação periférica. E não é só isso! Estudos comprovam que o fruto também ajuda a emagrecer, a baixar o colesterol, a desintoxicar e alcalinizar o sangue e a ativar o sistema imunológico.

Sendo assim, por ser um grande ajudante no tratamento de todas essas enfermidades físicas, psicológicas e emocionais, esse fruto acaba por ser utilizado em florais, terapias e também na aromaterapia, como forma de reequilibrar o organismo e a mente. Ele afasta o desânimo, a ansiedade e a depressão em favor do ânimo, bom-humor, determinação e otimismo, resgatando de forma sutil o bem-estar e a alegria de viver. O limão deve ser, portanto, um elemento indispensável no cotidiano, devendo ser consumido todos os dias. Fonte: Márcia Peltier

Deixe uma resposta