Os dez alimentos funcionais que deixam você mais saudável

Investir na ingestão de alimentos funcionais é sinônimo de saúde. Functional food, designer food, therapeutic food

 

Investir na ingestão de alimentos funcionais é sinônimo de saúde. Functional food, designer food, therapeutic food, nutraceuticals, pharmafood, medical food, são termos atribuídos, no final dos anos 80 a alimentos, que proporcionam benefícios médicos ou de saúde, incluindo a prevenção e o tratamento de doenças. Melhor dizendo, são alimentos que previnem o aparecimento de doenças e colaboram para o bem estar e a qualidade de vida de quem os consome. AVEIA Rica em fibras solúveis favorece o funcionamento intestinal, retardam a absorção de glicose e colesterol, e assim, previnem a obesidade e o diabetes. Alimento de baixo índice glicêmico, excelente com frutas antes da prática de atividade física. ABACATE Fonte de gordura monoinsaturada.

 

Este tipo de gordura ajuda a reduzir o colesterol e fortalecer os músculos, prevenindo lesões. Duas fatias pequenas por dia desta fruta já são suficientes para suprir o organismo com a dose diária necessária. BANANA Fruta com alto teor de carboidrato, muito rica em potássio, nutriente envolvido na prevenção de dores musculares e no aparecimento de câimbras. Uma banana fornece 400mg de potássio. CENOURA Rica em carboidratos complexos (que não são metabolizados como glicose). Também é fonte de potássio e ajuda a combater a elevação da pressão sanguínea. Meia xícara de baby-cenouras ou uma cenoura média por dia é o ideal. QUEIJO COTTAGE Fonte de proteína, queijo que praticamente não possui gordura em sua composição. Meia xícara deste queijo fornece 14g de proteína, nutriente fundamental na prevenção de microlesões que ocorrem no músculo de quem pratica atividade física.

Além disso, ajuda no consumo diário de cálcio. OVOS Os ovos, que eram considerados vilões e condenados por aumentarem o colesterol no sangue, figuram hoje entre alimentos recomendados por ser fonte de ferro e proteínas (clara do ovo). Sobre o colesterol, uma unidade não chega perto dos 300g, quantidade máxima recomendada por dia. CASTANHAS Essas sementes têm alto valor calórico, fornecem energia por serem ricas em gordura do tipo monoinsaturada, que atua na redução do colesterol no sangue. Amêndoas e castanhas-de-caju devem ser consumidas com moderação.

Evite as opções salgadas também. LARANJA Fruta encontrada facilmente o ano todo, excelente fonte de vitamina C, antioxidante relacionado ao rejuvenescimento da pele e à manutenção do tecido muscular. Além disso, ajuda o organismo a absorver ferro, portanto, tome um suco rico nesta vitamina junto com as refeições. Ótimas fontes: laranja, caju, limão, acerola, morango, kiwi e tomate. IOGURTE Fonte de proteínas; cálcio que fortalece os ossos e previne a osteoporose; e bactérias benéficas, fundamentais para o equilíbrio da microflora intestinal e fortalecimento do sistema imunológico. Prefira as versões desnatadas, que fornecem menos calorias e possuem uma digestão mais rápida. SALMÃO Riquíssimo em ácido graxo ômega 3, responsável por prevenir o aparecimento de doenças cardiovasculares, além de melhorar o tônus muscular. Fonte: www.bbel.com.br

Deixe uma resposta