Pais, cuidado com a inatividade dos seus filhos

 

A tempo que constata-se que muitas crianças e adolescentes estão com problemas de saúde similares aos dos adultos. Diabetes, pressão arterial alta, índices elevados de açúcar no sangue, obesidade, isto sem falar nos problemas de ordem psíquica e emocional;

auto-estima baixa, ansiedade excessiva, depressão. Isto assusta? É claro! Mas, por quê? Porque eles vivem na mesma sociedade e repetem hábitos dos pais e dos outros indivíduos que convivem com eles. Isto é grave porque, muitas vezes, estes problemas se agravam e a saúde nunca mais será perfeita. Por isso, aconselho aos pais observarem em primeiro lugar seus próprios hábitos de vida: tipo de alimentação, repouso, convívio social e familiar, tipos de bebidas, crenças, e a prática de atividades, exercícios físicos, dança, esportes e o lazer.

Num segundo momento prestar atenção aos hábitos dos seus filhos. Independentemente da idade destes jovens, eles são hábitos sedentários? O fator que tem mais contribuído para os jovens, especialmente as crianças, tornarem-se inativos, ou pouco ativos é a televisão. Desta forma a sugestão é que conversem em casa sobre isso e limitem o tempo que ficam sentados ou deitados a frente da mesma. Além de ter uma gama muito pequena de programas realmente úteis ao ser humano, nos tornamos “escravos” dela. Viciamos nos seus programas e ficamos cada vez mais acomodados, atrofiando todas nossas estruturas, órgãos e sistemas, que não foram criados para ficar parados.

Então, senhores pais, acompanhem, incentivem e também tornem-se mais fisicamente ativos e estarão menos propensos a problemas de saúde. Procurem profissionais de Educação Física para orientá-los e prescrever atividades e exercícios físicos. Evitem o sedentarismo nos seus filhos. Crianças e adolescentes precisam ser ativos para crescerem e desenvolverem-se fortes e saudáveis, tanto física quanto mentalmente.

Professor Aluísio Menin Mendes UNICS – Palmas – Paraná

Deixe uma resposta