Use a “face”

 

Todos nós sabemos que praticar exercícios físicos traz inúmeros benefícios saúde, assim como mantém o corpo em forma. Esse último, é o que leva muitas pessoas a recorrer a ginástica. Tonificar os músculos, reduzir a gordura corporal e aumentar a resistência

aeróbica são alguns benefícios que eles podem trazer ao corpo. Entretanto, não devemos esquecer que não somente de coxas, panturrilhas e abdômem é feito nosso corpo. E foi-se o tempo em que existia ginástica somente para o corpo. Nosso rosto, com seus 42 músculos, também requer movimento, pois também faz parte do nosso corpo. Ele é nosso cartão postal” e deve ter tanta atenção quanto as demais partes. A ação do tempo age na região facial na mesma proporção que age no restante. Muitas vezes, encher o rosto de cremes não é o suficiente para evitar o envelhecimento causado pelo tempo, exposição ao sol, estresse e má qualidade de vida. É aí que entra a ginástica facial. Segundo REZENDE (2002) ” a ginástica facial relaxa a face, tira a tensão e fortalece a musculatura. O rosto flácido diminui a circulação local. E exercício aumenta o metabolismo celular, a oxigenação e a circulação sanguínea, ativando a produção de colágeno, que sustenta a pele”.

A ginástica facial parte de um princípio bem simples: é possível fortalecer os músculos da face, do pescoço e do colo, da mesma maneira que fazemos com o corpo. É uma atividade fácil, barata e pode ser feita por todos. Basta munir-se de um espelho e seguir constantemente as instruções de cada exercício. É uma atividade tão simples que pode ser feita até mesmo no trânsito. É interessante que, antes de começar com a ginástica facial, procure-se um profissional, que pode ser um fisioterapeuta, um terapeuta facial, fonoaudiólogo ou um professor de Educação Física. Mal orientada, a ginástica facial pode ter um efeito contrário ao desejado. “Pode-se ganhar novas marcas ou até mesmo problemas nas articulações dos maxilares” afirma VALARINHO (2001). Além de fortalecer os músculos da face, a ginástica facial relaxa a face e tira a tensão. E os benefícios não param por aí: através da ginástica, há a oxigenação das fibras musculares; eliminação de toxinas; aumento suave da massa muscular, que deixa a pele com um ar renovado; elimina marcas de expressão, além de deixar a pele mais iluminada.

A ginástica facial ainda pode ser aplicada com outros fins, como para quem está de dieta, em fase de emagrecimento, deixando menos perceptível a perda de massa magra nessa região, tirando a aparência abatida devido a perda de peso; para atletas ficarem com o rosto compatível com o corpo; ajuda na manutenção de cirurgias plásticas e portadores de paralisia facial. Desde que sejam feitos com rigor (cerca de 20 minutos por dia) e corretamente, “os primeiros resultados aparecem em cerca de um mês, deixando os contornos do rosto mais harmônicos”, diz SIQUEIRA (2001). O rosto é nossa identidade física. Ter boa aparência não requer beleza e não é privilégio dos jovens. Precisamos de um rosto harmônico, descontraído e com músculos firmes. Dedique apenas 20 minutos de seu dia. Isso fará com que ganhe uma aparência melhor e saúde também. Afinal, movimento é vida.

Thayse Brancher Referências: www.xericare.com.br

www.ginasticafacial.com.br

www.roselisiqueira.com.br

www.saudenarede.com.br

Deixe uma resposta